Por Simone Zanotello de Oliveira

 Conheço muitas pessoas competentes e talentosas, mas que se sentem angustiadas, pois não conseguem uma chance de emplacar na carreira profissional. Analisando algumas delas, percebi que uma das dificuldades que elas encontram é saber vender o seu próprio peixe.

Portanto, no ambiente corporativo, não basta ser competente e talentoso; é preciso, também, estabelecer uma comunicação, como forma de se valorizar e também de ser reconhecido pelas outras pessoas, logicamente de forma racional.

Um dos pontos importantes desse marketing pessoal é possuir inteligência emocional, o que resultará numa facilidade de relacionamento. E, sem dúvida, relacionar-se bem é um dos aspectos mais cruciais para uma carreira de sucesso. Aposte no seu carisma e na sua forma de envolver as pessoas. Nas palavras de um dos maiores consultores de empresas do Brasil e do exterior, o antropólogo e professor Luiz Marins, no mundo de hoje o que mais conta é o “relacionamento” entre pessoas. Não temos como estabelecer um padrão único de tratamento, pois cada pessoa tem exigências específicas. Sendo assim, é preciso que você saiba analisar cada uma delas, identificando seu tipo e verificando como estabelecer um relacionamento proveitoso com ela.

Também é preciso cuidar da autoestima. Não se cobre em excesso e nem se julgue sempre culpado. Nem tudo na vida é acerto, e devemos aprender com nossos erros. O fracasso é justamente a ausência de força para reagirmos diante das situações de conflito. Dê o melhor de si, mas não se culpe se algo não sair como você planejou. E nessa linha, seja tolerante, primeiramente com você. Reconheça suas fragilidades e promova um trabalho interno no sentido de que isso será diferente da próxima vez. Também seja tolerante com as outras pessoas, pois nem todos pensam ou agem como você, e isso pode ter causas diversas – escolaridade, criação, cultura, religião, etc. Uma pessoa é diferente da outra e é preciso conviver com essa adversidade.

A ética também deve estar sempre presente em suas atitudes. Na hora de se promover, faça com que isso seja fruto de seu esforço pessoal, e não de golpes baixos ou fofocas. Lembre-se de uma frase popular – quem não tem competência, não se estabelecesse. Portanto, você pode até se dar bem num primeiro momento, conseguindo uma promoção não muito justa; no entanto, sua competência será testada constantemente, e não será possível sustentar somente uma aparência por muito tempo.

Também seja prestativo e tenha iniciativa. Essas características são muito buscadas nos profissionais. Evite dizer “não sei” ou “não é comigo”. Diga, “não sei, mas irei verificar e já lhe darei um retorno”. Faça a outra pessoa sentir que realmente você está preocupada em resolver o problema dela. Meu marido constantemente usa uma frase: você deve ser parte da solução, e não do problema.  Ela ficará muito satisfeita e, com certeza, tornar-se-á sua fã.

Por fim, amplie sua visão das coisas – adquira mais informação e, consequentemente, mais conhecimento. Um bom profissional não é aquele que somente faz um curso atrás do outro. O conhecimento também se adquire lendo um livro, um jornal ou uma revista, assistindo a um programa de televisão, ouvindo uma música, indo a uma peça de teatro, pegando uma sessão de cinema, praticando uma atividade esportiva, preparando um prato, dentre outras ações. Seja o que os estudiosos chamam de “intelectualmente curioso”. Procure entender tudo a sua volta. Busque assuntos diversos – mesmo aqueles que nada tenham a ver com sua atuação profissional.

Pois bem, esses são alguns passos para que você comece a “vender o seu peixe” com mais categoria, e haja pessoas “interessadas em comprá-lo”.

Este e outros temas estão no livro “Manual de sobrevivência no mercado de trabalho”, da Editora In House

SIMONE ZANOTELLO

Advogada e consultora jurídica na área de contratações públicas. Doutoranda em Direito Administrativo pela PUC-SP. Mestre em Direito da Sociedade da Informação (ênfase em políticas públicas com o uso da TI) pela UniFMU-SP. Pós-graduada em Administração Pública e em Direito Administrativo pela PUC-SP. Extensão em Direito Contratual. Diretora de Apoio à Gestão na Prefeitura de Jundiaí-SP. Docente e consultora jurídica de diversas empresas (Consultre-ES, Supercia-MS, RHS Licitações-SP,  Licidata Eventos-PR, Connecton-PR, dentre outras). Trabalha na área de contratações públicas há 25 anos. Professora do Centro Universitário Padre Anchieta – Jundiaí-SP, nas disciplinas de Direito Administrativo e Linguagem Jurídica. Autora dos livros: “Redação: reflexão e uso” (Arte & Ciência), “Recursos administrativos” (Negócios Públicos) , “Manual de redação, análise e interpretação de editais de licitação” (Saraiva), “Recursos administrativos no pregão” (Negócios Públicos), Coletânea “101 dicas sobre o pregão” (Negócios Públicos, com mais 9 autores), Coletânea “Temas jurídicos relevantes sobre direito da sociedade da informação” (Quartier Latin, com mais 24 autores, “Antologia Unianchieta” (In House, com mais 14 autores), “Concurso público – polêmicas e jurisprudências do STF, STJ e Tribunais de Contas” (Graciosa, com mais 7 autores); “Aspectos polêmicos sobre concurso público” (ConTreinamentos, com mais 9 autores); “Curso de língua portuguesa para estudantes do direito” (In House) e “Manual de sobrevivência no mercado de trabalho” (In House). Autora de diversos artigos jurídicos e literários. Ministra cursos nas áreas de licitações, contratos administrativos, convênios, parcerias com o poder público (concessão, permissão, PPP), gestão pública, concursos públicos, linguagem oficial e linguagem jurídica. Formada em Letras, com pós-graduação em Gramática da Língua Portuguesa. Integrante da Academia Jundiaiense de Letras Jurídicas e da Academia Jundiaiense de Letras. Colaboradora das revistas “O Pregoeiro”,  “Negócios Públicos” e “Licicon”, da Editora Negócios Públicos – Curitiba-PR.

 

Escrito por Focados

Site dedicado as pessoas que desejam aprender e aperfeiçoar conhecimentos com foco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s